Translate

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Tempo



O Tempo ...
em vazios brancos de areia,
escaldante e frio feito deserto
nos desaprumos em sangria,
segue complacente e lento
por caminhos em rumo incerto.

O tempo ...
comparsa na roleta de escolhas,
parceiro de tantas venturas
no jogo de somadas alegrias,
segue por estreitos laços
com efeitos, formas e texturas.

Basta apenas um só minuto,
no cotidiano de cada momento,
para no tempo morrer aos poucos
ou se viver muito do tempo.

Stela Emilia Gusmão
15/08/08